Por que as chapas de aço inox não enferrujam?

Por que as chapas de aço inox não enferrujam?
Por que as chapas de aço inox não enferrujam?

As chapas de aço inox surgiram e revolucionaram este segmento no mercado. Como muitas novidades, o aço inox foi resultado da busca por uma liga metálica que resistisse ao desgaste. Seja ele causado pelo tempo, ou por agentes externos. No entanto, mesmo com a conquista popular, ainda há muitas dúvidas em cima do aço inox, sendo que a principal é: por que ele não enferruja?

VEJA TAMBÉM: O que é aço carbono?

História do aço inox

Antes de explicarmos o motivo por trás da anti-corrosão do aço, precisamos entender um pouco mais sobre a história deste material.

Na Inglaterra, em 1913, um metalurgista, em seu laboratório em Sheffield, testava a resistência de ligas aos ataques químicos. O melhor resultado veio em uma combinação de cromo e níquel com uma base de ferro. E, pouco tempo depois, dois pesquisadores alemães conseguiram comprovar a relação entre o cromo e a resistência à corrosão.

Como resultado, chegamos ao consenso de que com um mínimo de 10,5% do cromo presente na liga ela já apresenta características de resistência.

O que impede a ferrugem na chapa de aço inox?

Como explicado acima, o principal fator relacionado ao não enferrujamento das chapas de aço são os componentes presentes em sua estrutura. Por exemplo: aços comuns reagem ao oxigênio com mais facilidade, gerando a ferrugem pela superfície abrasiva. O cromo, por outro lado, reage à essa corrosão e forma uma camada passiva, o que garante mais resistência contra os agentes corrosivos.

No entanto, há diferentes níveis de resistência e especificidades. Isso varia de acordo com o aço inox e sendo divididos por famílias do aço. Para ficar mais claro, vamos explicar como funciona essa divisão:

Austeníticos

Esse tipo é o mais utilizado no mercado por causa de sua facilidade de conformação e resistência à rupturas e tricas, mesmo em baixas temperaturas. São ligas com baixo teor de carbono, por isso resistem bem em temperaturas extremas. No mercado são conhecidos como a família 300.

Exemplos de uso: Revestimentos, tubulações, pias e cubas.

Ferríticos

Os aços ferríticos possuem baixo custo e contam com dureza e resistência à corrosão limitada devido à sua composição química. Como o nome indica, a composição desse material é mais semelhante ao ferro. Na indústria, são classificados sob a série 400.

Martensíticos

Os martensíticos são os aços inoxidáveis mais resistentes e duros, bem similares ao aço carbono. Por causa de sua composição com altos índices de carbono, podem apresentar mais resistência ao serem aquecidos. Os tipos mais conhecidos são os AISI 498 e AISI 420, utilizados para a produção de bombas, eixos, pistas de rolamento e instrumentos hospitalares.

VEJA TAMBÉM: Como armazenar chapas de aço

Saiba onde encontrar chapas expandidas de inox de qualidade

Para garantir as vantagens citadas acima, você precisa escolher a melhor fabricadora de chapas de aço de inox no Brasil. Sendo assim, faça seu orçamento com a Cosiaço, empresa referência na comercialização de chapa de aço no país, oferecendo opções de chapas expandidas, perfuradas, recalcadas, entre outros modelos.

Com mais de uma década no mercado de aço, a Cosiaço é a sua melhor opção para investir em materiais de qualidade para os seus projetos. Confira nosso catálogo e faça seu orçamento.